quarta-feira, 16 de março de 2011 | By: administrador

Manias do povo brasileiro



Achei algumas manias engraçadas sobre paulistanos rsrsrrrs e que muitas sao verdade eu concordo( nada contra os paulistanos, eu sou um e por isso estou pondo essas manis por que tenho que ter humildade para zuarem os outros e humildade para ser zuado) aproveitem:

Na fala:
- Chama o semáforo de “farol”.
- Diz “bolacha” em vez de biscoito.
- Diz “cara” em vez de menino.
- Diz “mina” em vez de menina.
- Diz “bexiga” ao invés de balão.
- Diz “sorvete” tanto para picolé como para sorvete de massa.
- Acha que não tem sotaque nenhum.
- Ri do sotaque de todo mundo (carioca,mineiro, gaúcho, etc…) achando que todo mundo deveria falar como ele !
- Vê uma Pessoa Mal Vestida, e o chama de baiano.
- Inlcui um “i” entre o “e” e o “n”: seteinta, oiteinta, noveinta….
- Coloca um “i” depois de um “r” simples: “porita”, “falari”, “jogari”…. Só prá ficar diferente dos “capiras do interior”.

No clima:
- Fala sobre a condição do tempo para puxar conversa com alguém.
- Enfrenta sol, chuva, frio, calor, tudo no mesmo dia e acha legal.
- Sai todo agasalhado de manhã, e tira quase tudo até o final do dia.
- O paulistano tem mania de lavar e polir seu carro no sábado ou domingo (o carro fica brilhando), só que toda vez que vai passear… CHOVE!!!

Na Praia:
- Fala que vai “pra praia”, sem especificar qual.
- Fica a “temporada” no Guarujá, Maresias ou Ubatuba mesmo que chova muito mais do que faça sol.

As esquisitices:
- Faz fila para tudo (ônibus, mercado, banheiro, elevador, etc…).
- Repara nas pessoas como se fossem de outro planeta.
- Cumprimenta o vizinho de anos com “oi” e “tchau”.
- Pergunta a todo universitário se é estudante da USP.
- Espera a semana inteira pelo final de semana… e quando chega, acaba não fazendo nada.
- Separa o “lixo que não é lixo”.
- Anda c/ o bolso cheio de papeis de balas até encontrar uma lixeira.
- Demora muito para arrancar o carro quando o sinal fica verde.
- Acha que tudo em Curitiba é melhor do que em outras cidades sem nunca ter saído daqui.
- Fala para todo mundo que o paulista é um povo fechado.
- Convida: “Passa lá em casa” mas nunca dá o endereço.
- Chama o povo do interior de São Paulo de “caipira”.
- Diz que a cidade não é mais a mesma por causa da invasão dos nordestinos.
- Come pastel e caldo de cana nas feiras livres.
- Nas festas juninas chama vinho quente de “quentão”.
- Pega o mesmo ônibus todo santo dia no mesmo horário e não cumprimenta nem motorista nem cobrador (que também sempre são os mesmos ).
- Acha que quem não é daqui sempre joga lixo no chão.

E o principal:
- Ri de si mesmo ao perceber que tudo que foi dito acima é a mais pura verdade…

2 comentários:

O Mestre® disse...

Ola nobre amigo Namastê, concordo com este artigo em partes até é verdades mas conforme estatísticas 90 por cento da população do Estado De São Paulo é imigrante não que eu tenha nada contra a imigração , mas paulistano ou paulistas natos praticamente não mais existem em São Paulo. Sou filho de italianos está cidade acolheu meus pais e a mim , e a todos que vem de toda parte do mundo e de todos estados Brasileiros, então podemos dizer que muitos que falam ou usam esses termos bem descritos pelo amigo no artigo na verdade nem paulistas ou paulistanos são a cidade mesclou varias culturas e perdeu sua identidade: por exemplo pessoas que tem preconceitos com nordestinos , já percebeu que as pessoas que cometem isso são filhos ou netos de nordestinos? então creio que como uma megalopoli, não a mais identidade paulistana uma pena... São Paulo já foi uma cidade que tinha uma identidade hoje apenas temos uma mescla cultural que não pertencê a SP abraços unica Hari Om

Michelly disse...

huasaushauhsuahushau, o pior é que é verdade mesmo...
Eu nem sou de sao paulo, mas ja peguei essas manias sem querer. adorei n_n

Postar um comentário